Veja como empreender no setor de pets

O mundo animal é uma ótima fonte de negócios. Animais domésticos como cachorros e gatos fazem parte da família da maioria dos brasileiros. Segundo dados da Pesquisa Nacional em Saúde feita em 2013 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 44% dos domicílios do país possuem pelo menos um cachorro. O IBGE estimou a quantidade de pets em mais de 52 milhões no país. Um número muito grande promete ser também muito promissor no empreendedorismo pet, isso porque, os donos, não medem esforços par levar aos bichinhos um conforto de gente! Segue abaixo algumas dicas para aqueles que querem empreender no mundo pet!

Estudo e planejamento

Além de planejar o negócio, como a escolha do local, os produtos e serviços oferecidos, o empreendedor deve estudar o mercado e se certificar de todas as variáveis do negócio. Por exemplo, é possível faturar durante todo o ano? Os finais de semana e feriados são bons para o negócio? Todas essas questões devem ser respondidas antes do empreendimento abrir as portas. Fazer planilhas de atendimento e produtos é bom para gerenciar o que entra e sai da empresa. Estudar e planejar é o primeiro passo para ter sucesso.

Produtos e serviços diversificados

Encontrar um único produto que atenda as necessidades do cliente e investir somente nele é uma estratégia arriscada. Com o estudo e o planejamento explicados no tópico anterior é possível perceber quais os produtos queridinhos do cliente. Com o tempo, o empreendedor pode inovar e sair na frente da concorrência com produtos superiores. Uma das tendências da área é o estímulo ao conforto dos cachorros e gatos, então, produtos com almofadas, travesseiros são ótimas pedidos para o mercado pets.

Loja online e serviços especializados

Hoje, ter uma presença online é parte obrigatória do crescimento de uma empresa. Por isso, para quem quer empreender é essencial possuir uma página online do negócio, seja no facebook ou instagram. Garantir uma presença online é ter milhares de possíveis clientes. Alguns serviços especializados podem entrar no escopo de serviços da empresa. Médicos veterinários autônomos podem ser parceiros do negócio oferecendo atendimento médico e acompanhamento aos pets. O segmento pet é uma tendência de mercado presente e futuro.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *