O mercado frelancer como funciona e dados relacionados a aquisição desse segmento no Brasil.

Uma das inovações mais interessantes trazida pela tecnologia está relacionada a forma de trabalhar. Atualmente, os empregos Home Office têm ganhado destaque, principalmente em épocas que o emprego formal é mais incerto do que o informal.

Sim, o segmento frelancer foi muito fomentado pela falta de empregos formais. Vender produtos, serviços, ou até mesmo formas de fazer os mesmos acabou virando algo importante para que busca ganhar dinheiro. Segundo o IBGE, em uma pesquisa feita em 2019, mais de 24 milhões de trabalhadores já se identificavam como autônomos.

Não apenas pela grande interferência do mercado em relações: empresário e empregado. Mas pela grande facilidade que há em seguir trabalhando por conta própria. Segundo notícias criadas a partir de pesquisas feitas para averiguar o perfil do profissional frelancer, algumas particularidades acabam por ser destacáveis.

A facilidade em escolher quando e onde quer trabalhar;

A eficiência em dizer o que quer fazer, além de fornecer bastante flexibilidade ao contratante;

Trabalhar por hora ou por quantidade de serviço.

Enfim são muitas as adequações ao perfil de cada tipo de profissional, contudo essas são amis levadas em conta.

Em uma pesquisa feita pela Rock Content com mais de 7000 mil profissionais com o intuito de fazer um estudo mais detalhado a respeito desse ramo, que um dos que mais cresce no mundo, encontra-se diversas informações como jornada de trabalho, hábitos e tendências para os próximos anos.

Ainda assim o que despertou esse interesse nas pessoas com certeza foi a ligação de trabalhos formais com informais. Isso já acontecia a muito tempo, de outras maneiras é claro, mas o desenvolvimento da tecnologia tornou isso mais evidente. Hoje um programador pode muito bem trabalhar com vendas de cosméticos, um designer com redações de conteúdo para web. Isso é com certeza o maior benéfico a versatilidade de encontrar diversos profissionais em apenas uma pessoa.

A importância de criar pesquisas e notícias para esse mercado torna-se o motor para seu crescimento. Talvez leve um pouco mais de tempo para existir uma consolidação, mas por ser um mercado de praticidade há grandes chances de isso acontecer antes do tempo.

O que é possível de se fazer para casos em que ocorrem problemas com a conexão de internet

Não é exatamente de hoje que as pessoas interagem por meio da internet. Quando se trata de estudar ou trabalhar, a situação fica ainda mais séria, requerendo conexões mais robustas e estáveis. Mesmo com o cuidado de se escolher um provedor confiável, que atenda a demanda de cada um, alguns problemas podem deixar os usuários em maus lençóis. Uma matéria do segmento de Tecnologia do Portal de Notícias Terra trouxe alguns pontos que devem ser observados nesses casos.

A primeira observação elencada na matéria trata do fato da internet não ser exatamente o problema, quando se tem uma conexão ruim. A causa, segundo a reportagem pode estar no funcionamento de um determinado dispositivo. Para os casos em que os demais dispositivos funcionarem corretamente ao se conectarem à rede, é um indício de que isso possa estar ocorrendo isoladamente.

Outra questão levantada foi a qualidade tanto do roteador, quanto do serviço que o operador entrega ao usuário. Tratando-se de coisas distintas, vale ressaltar que há a indicação de se fazer testes de velocidade envolvendo cada um deles. Este tipo de teste pode ser feito por meio de sites específicos para tal finalidade, dando noção do que possa estar ocorrendo em relação ao wi-fi de um determinado lugar.

A busca por um profissional especializado no assunto também é cogitada ao longo da matéria. O técnico é o mais indicado para apontar com maior rapidez o que de fato pode estar ocorrendo com a internet contratada. Uma das circunstâncias mais verificados, as casas que possuem grandes dimensões podem gerar conexões de má qualidade para os usuários. O mesmo se nota em relação aos materiais empregados para a construção das residências, que podem exercer interferência na hora de se utilizar a internet.

Há indicação para que se tenha cuidado quanto ao posicionamento do roteador em um dado local. Ele deve estar, conforme a matéria, posicionado sem que haja nenhum obstáculo em sua direção. Assim sendo, indica-se que barreira contendo líquidos ou metais não fiquem na mesma direção que o equipamento. Caso contrário, isto poderá resultar em dificuldades de conexão.

Saiba mais:

https://www.terra.com.br/noticias/tecnologia/problemas-no-wi-fi-cinco-dicas-para-melhorar-sua-conexao-de-internet,fa40937cdcc08e6ba429bc98c917fa84elhedzze.html

Startup realiza teste de covid-19 fazendo coleta domiciliar em larga escala

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que a população de países que já confirmaram a presença do coronavírus seja testada em massa para conseguir identificar o tamanho real do contágio naquele país. O problema é que a maioria dos países com casos de contaminação não possuem testes suficientes para atender à toda população. Diante dessas notícias, empresas especializadas no assunto passaram a investir em testes de covid-19 particulares. Uma dessas empresas é a startup de Gustavo Janaudis, que foi criada para resolver esse problema na demanda por mais testes.

Gustavo é bioquímico e farmacêutico especialista em diagnóstico e atua na área há mais de 20 anos. Essa bagagem de conhecimento foi importante para que o profissional mergulhasse no mundo dos negócios nesta área. “Escolhemos ajudar na questão da demanda de testes eficientes de coronavírus e permitir que as pessoas possam ter acesso ao diagnóstico da doença”, explica o especialista.

O empresário especialista no assunto lançou a startup no início do mês de janeiro de 2020, e oferecia três tipos de exames focados em outras doenças. Devido à pandemia e a carência de testes para coronavírus, o empresário mudou o foco. “O nosso grande objetivo é fornecer acesso ao teste. Desta forma, há uma recomendação da OMS para que os países afetados façam o teste em massa de sua população. Essa recomendação não vem sendo cumprida no Brasil e em outros países e nossa proposta é suprir a falta de testes que garantam dados confiáveis no levantamento de casos”, diz Gustavo.

A empresa oferece o serviço laboratorial com a coleta do material necessário realizada por um enfermeiro treinado na casa do cliente. A análise é feita a partir da coleta de material da garganta e narinas. O material é retirado com um tipo de cotonete comprido chamado de “swab”. Nos testes para coronavírus, a startup vem dando prioridade para as pessoas que estão relatando os sintomas da doença ou que tiveram contato com outra pessoa já confirmada com a covid-19.

O RT-PCR, assim denominado o teste produzido pela startup de Gustavo, faz uma varredura no material genético do paciente em busca de encontrar traços do vírus. Um outro tipo de exame realizado pela startup é o sorológico, também conhecido como teste rápido. Esse outro tipo de teste identifica se existem anticorpos resultantes dos mecanismo de defesa do corpo contra a doença.

O que determina nossa percepção do tempo?

Você provavelmente percebeu que podemos interpretar eventos diferentes de maneiras diferentes. Suponha que seu colega relate que a reunião agendada para a próxima quarta-feira foi adiada por dois dias. Então, quando será a reunião? A resposta depende da sua visão do tempo: se você perceber o tempo como se estivesse fluindo em sua direção, provavelmente dirá que será na segunda-feira, mas se você for no tempo, sua resposta será na sexta-feira.

Nossa percepção do tempo depende do que estamos fazendo no momento. Se você fizer a mesma pergunta enquanto estiver viajando em um trem, provavelmente sua resposta será segunda-feira. Se você apenas se senta ou sai do trem, é “sexta-feira”, porque quando esperamos algo, o tempo flui para nós; se pelo contrário, nós mesmos abordamos.

Além disso, nossa percepção do tempo é influenciada pelo espaço ao nosso redor. Você já se perguntou por que, durante as viagens, a viagem de volta parece mais curta e leva menos tempo? Quando vamos a novos lugares para nós, o caminho para a meta nos parece mais longo do que voltar, porque vemos muitas coisas novas. No caminho de volta – basta seguir as orientações e notícias, lembrando de nada.

Que gestos entendemos por tempo? Os representantes da cultura ocidental acreditam que o passado está para trás e o futuro está à frente, o que se reflete no discurso (“Olhando para a minha vida “Temos que fazê-lo antes do prazo”). Portanto, falando da data que se aproxima, muitas vezes temos a mão na nossa frente.

Representantes de outras culturas pensam que o passado está diante de nós. Assim, os falantes nativos da língua aimara nos Andes seguram as mãos na frente deles, falando sobre o passado, mas, surpreendentemente, independentemente da cultura, as pessoas falam sobre o futuro como algo localizado em algum lugar no espaço sideral.

O arranjo das coisas também afeta nossa percepção do tempo. Se você pegar uma guirlanda com luzes acesas uma após a outra, e sem alterar a frequência das piscadas, aumente a distância entre elas, parece que o atraso entre as piscadas também aumentou. Esse recurso é conhecido como “efeito kappa”.

Compromisso Ambiental da Toyo Setal!

Grupo Toyo Setal: Sustentabilidade para o mundo – O grupo de beneficiamento de petróleo Toyo Setal é uma empresa de construção de sucesso, sediada em São Paulo, Brasil. Eles estão envolvidos ativamente em vários trabalhos de construção em escala global, mas grande parte de seu trabalho realizado nos bastidores é de igual importância. Em São Paulo, o grupo brasileiro Toyo Setal está inovando novas tecnologias para ajudar a empurrar os ecossistemas que eles influenciam na direção certa. É incrível quantos métodos existem atualmente para testar solo ou água, poluição do ar e monitorar a produção exata. Tudo isso preocupa o grupo Toyo Setal.

Todos os dados mais importantes que eles coletam são minuciosamente examinados e podem variar de informações sobre animais a plantas. Seus esforços são muito claros, e isso é manter a integridade e a saúde do meio ambiente. A conscientização dessa realidade é vista no trabalho e no laboratório. A Toyo Setal se orgulha de sua transparência com os clientes e as informações são dadas livremente através de aulas e divulgação geral desses fatos valiosos. Quanto mais entendemos sobre nosso impacto no meio ambiente, mais soluções podemos criar para lidar com esses fatores prejudiciais.

Mais empresas podem obter uma página de ouro da Toyo Setal porque são modelos da indústria com a mais alta tecnologia inteligente para medições precisas. O equipamento moderno é muito importante ao assumir esses empreendimentos, mas o aspecto mais importante é o comprometimento e a natureza genuína da equipe. Eles sempre são gentis em sua abordagem para manter seus negócios e o ambiente ao seu redor. Tudo é feito com o cliente em mente a curto e longo prazo.

Tudo dentro da empresa trabalha em benefício de todos os envolvidos em cada atividade. Desde os trabalhadores da construção civil até os cientistas ambientais do laboratório, eles têm uma resposta para a crescente preocupação com a sustentabilidade de nossa terra. Essa nobre busca é uma prova de sua imensa qualidade e cuidado com o mundo natural. Todos podem seguir o exemplo em direção a um futuro melhor, com uma mentalidade mais sustentável e economicamente amigável em geral.

Botão Para Cima: Usabilidade e Recomendações

A simplificação da arquitetura de navegação e site levou ao aparecimento de páginas longas que exigem rolagem constante. Para retornar o usuário ao topo da página, os sites usam o botão para cima. No topo da página, há elementos importantes de navegação e interação com o site.

Embora os sistemas operacionais e as plataformas móveis ofereçam seus próprios métodos de retorno rápido ao topo, nem todos os usuários estão cientes disso e podem usar essas opções. Se páginas muito longas aparecerem no site (por exemplo, como resultado do carregamento de mercadorias em um catálogo), é importante fornecer ao usuário uma ferramenta óbvia para o retorno rápido ao início, resultando em facilidade e economia de tempo.

O que deve ser o botão “Para cima” – Use o botão Para cima se a página tiver mais de 4 telas . Para páginas mais curtas, essa opção não é necessária, pois os usuários retornam facilmente ao início da rolagem.

A localização padrão do botão Para cima é o canto inferior direito – Este é o local mais esperado em que o usuário o procura intuitivamente. O botão não deve se sobrepor aos conteúdos ou notícias, mas também deve se destacar no plano de fundo do design. O teste do usuário mostra que colocar o botão Para cima em outra parte da tela o torna invisível para o usuário, prejudicando os negócios.

O nome do botão deve estar claro. Não crie outras opções. O botão tem um propósito e um nome claro. Não use o botão sem o texto anexo, pois o ícone pode ser identificado como um elemento de design não clicável / não funcional. Não use as palavras voltar, pois isso está associado à volta à página anterior e não ao topo da página.

Não substitua o ícone gráfico por um link. O link pode ser ignorado pelo usuário e o ícone gráfico, acompanhado por texto, indica que é um elemento de navegação.

O botão “Para cima” não deve se sobrepor a outros elementos de navegação, conteúdo. O botão “Para cima” ideal deve ser pequeno o suficiente para não se sobrepor ao conteúdo, mas ao mesmo tempo grande o suficiente para facilitar a interação com seu celular.

O botão “Para cima” deve se destacar visualmente no plano de fundo do design, ser facilmente perceptível no plano de fundo do substrato. Caso contrário, os usuários simplesmente não perceberão.

Felipe Miranda, da Empiricus, enfatiza as expectativas em relação às transações com o ouro

Quando a China apresentou o balanço referente ao seu superávit, um verdadeiro alvoroço se estabeleceu em mercados financeiros de todo o mundo. O que foi anunciado em termos de balança comercial chinesa não atingiu os patamares esperados tanto por investidores, quanto por analistas, ressalta um dos executivos que respondem pela administração da corporação Empiricus, Felipe Miranda. Nos primeiros quinze dias de setembro de 2019, período em que o anúncio em questão foi feito, a maneira de aquecer novamente a economia chinesa foi a injeção de estímulos monetários.

Dessa maneira, o Banco Popular da China foi a primeira das instituições chinesas a lançarem incentivos dessa natureza. Vale destacar que a entidade em questão não é apenas um estabelecimento bancário convencional. É através dela que são anunciadas as regras de mercado que serão base para diversas modalidades de transações financeiras em solo chinês, assim como as que se concretizam no âmbito internacional. O superávit mencionado, de acordo com informações reportadas pelo líder da Empiricus, não satisfez os anseios de uma parcela considerável de investidores em ação no país asiático.

Diante da realidade vista no que se refere à economia chinesa, ocorreu uma especulação generalizada em relação ao que poderia ser anunciado em relação a outros países de destaque no comércio internacional. O gestor da Empiricus salienta que assim como a China, cujas exportações se mostraram menores no mês de agosto, outras nações sofreram com o desempenho deficitário da economia. Não apenas as comercializações teriam afetado o cenário global econômico. Em relação ao que foi divulgado sobre os Estados Unidos, por exemplo, a alta do desemprego teria respondido por uma instabilidade na balança comercial do país.

A regulação das economias mencionadas, conforme esperam especialistas financeiros, pode ocorrer se forem aplicadas taxas de juros menores. Tal expectativa teria norteado os passos dos investidores nos períodos iniciais de setembro, esclarece o co-CEO da Empiricus. Desse modo, começou-se uma intensa demanda por ações livres dos pagamentos de yields. O ouro também foi mais procurado, seguindo uma tendência que já instalada desde o início de 2019. O que se tem visto entre os compradores reflete a espera por uma elevação do valor de metal para a venda, podendo favorecer quem já estiver precavido, reporta Miranda.

Ainda que a economia tenha se mostrado conturbada no início do segundo semestre, em face do relacionamento de maiores cobranças por parte dos Estados Unidos, a China tem se mostrado prevenida quanto a uma possível alta do dólar. O empresário que comanda a Empiricus informa que o governo chinês se preocupa em estocar o metal em quantidade suficiente para o largo uso em um momento de necessidade. Essa precaução pôde ser percebida quando do anúncio de que o país conseguiu estocar 100 toneladas. Esse volume, contudo, poderá ser aumentado até o final do ano, visto que a quantidade anunciada diz respeito somente até o mês de setembro. O risco de alta do ouro é uma hipótese que não deve ser ignorada, enfatiza Miranda, valendo-se do que tem projetado o mercado financeiro. O receio de que o metal suba em sua valoração.

Fatores de conteúdo que afetam e não afetam a classificação

Quais fatores de conteúdo influenciam a classificação e quais são inúteis para otimizar. Nunca saberemos como vários fatores de classificação influenciam a saída da página. Mas não deixaremos de oferecer várias recomendações garantidas para ajudar seu site a melhorar para os usuários e para a pesquisa.

Fatores de classificação – A otimização de conteúdo é a base para a economia e promoção de qualquer site. E o que é tão incomum aqui? É o fato de que nem todo o conteúdo funciona e nem toda otimização é eficaz. O que é importante considerar ao otimizar o conteúdo para que a página seja classificada:

Relevância do conteúdo para a intenção do usuário – Compreender a intenção do usuário ajudará a criar o conteúdo certo para atender às expectativas do visitante alvo. Este é o futuro da pesquisa e otimização.

O Google está constantemente trabalhando em algoritmos para processar solicitações de usuários, a fim de entender melhor o que o usuário quer dizer e o que ele quer.

De fato, a conformidade do conteúdo com a intenção do usuário acaba sendo um fator de classificação mais forte do que a qualidade, facilidade de interação, exclusividade, volume e disponibilidade de imagens no texto.

Como aumentar a relevância do conteúdo – Não basta coletar as chaves. É importante entender a qual intenção do usuário eles correspondem. O que o usuário deseja obter inserindo uma consulta em um mecanismo de pesquisa.

Determinamos qual a intenção do usuário inserindo uma solicitação de chave.

Analisamos os resultados da pesquisa para uma consulta principal e determinamos que tipo de conteúdo é classificado entre os 10 principais para essa consulta.

Analisamos chaves adicionais – blocos de problemas, também pesquisamos.

Profundidade do conteúdo – Quanto mais profundo o conteúdo é desenvolvido, mais problemas relacionados ao usuário ele cobre. Existem vários estudos que comprovam que o conteúdo longo (LongRid) é melhor classificado.

No entanto, nem para todos os tópicos e nem para todas as áreas, esse volume de conteúdo é justificado. Ao contrário das recomendações para criar conteúdo longo, tente cobrir o máximo de perguntas possível.

É muito difícil estruturar um conteúdo longo para que o usuário possa digitalizar facilmente texto volumoso. Falamos sobre a qualidade da formatação para escanear em uma publicação separada.

Geração de leads PPC

Qual é a parte mais importante de qualquer negócio? Clientes é claro! Não importa o quão bem o negócio funcione em outros aspectos, sem clientes, não há economia. Mas não importa como os negócios se desenvolvam na rede, a geração de leads ainda permanece um ponto-chave na atração de clientes. Vamos ver como você pode expandir sua base de clientes com Pay Per Click (PPC)!

O PPC é a abordagem certa para você? A publicidade PPC está focada em pagar por cada visitante que acessou o site por meio de publicidade. Isso aumenta a relevância, o tráfego e, como resultado, gera leads. A questão é: você deve usar o PPC para geração de leads quando houver várias outras maneiras que levam menos tempo e não custam nada?

Sem pensar muito, a resposta é sim! Porque? Os leads que você gera com as campanhas Pay Per Click são segmentados e eles já pesquisaram o que você ofereceu na página de destino. Como resultado, esses leads são mais prováveis ​​e mais rápidos de converter em clientes. A alta probabilidade de conversão é a principal razão pela qual os profissionais de marketing na Internet preferem o PPC a outros métodos de geração de leads. E o fato de custar dinheiro não importa mais.

Os muitos benefícios do PPC para geração de leads – Pensando em iniciar uma campanha de PPC para o seu negócio? Talvez essa seleção das vantagens dessa ferramenta o encoraje a tomar uma decisão.

Resultados rápidos – Assim que você implantar a campanha PPC correta, seu site começará imediatamente a atrair tráfego.

Você pode criar e alterar campanhas de acordo com as tendências – O uso de ferramentas modernas de rastreamento de palavras-chave permite que você veja mudanças no mercado e faça as alterações necessárias na campanha em tempo real. Veja o que as pessoas estão procurando e atenda a necessidades específicas.

Fácil de rastrear – Com o PPC, é fácil rastrear o ROI com precisão de um centavo! Você vê para onde vai o seu dinheiro e vê claramente os resultados. Encontrou palavras-chave ruins? Não tem problema, substitua-os!

Atrai as pessoas certas – Como mencionado anteriormente, a maior vantagem da publicidade paga por clique é que ela atrai as pessoas que procuram exatamente o que você oferece. Portanto, é altamente provável que seu produto seja comprado.

Cauda longa na loja online

As lojas online têm uma certa vantagem de economia sobre as que vendem seus produtos offline. Antes de tudo, eles podem oferecer uma faixa muito maior do que um concorrente estacionário. O gerenciamento de uma loja online oferece a opção de ter apenas produtos em oferta e eles não estarão fisicamente no armazém do vendedor. Quando você decide sobre essa estratégia – corre alguns riscos, porque essa política de vendas prolonga o tempo necessário para processar seu pedido e, portanto, reduz a qualidade do serviço ao cliente. As exceções são mercadorias vendidas em formato eletrônico – ebooks, mp3.

Gerenciamento de armazém – Para negócios em uma loja estacionária, é praticamente impossível ter um grande número de produtos de baixa rotação. Os custos envolvidos nesse modelo de negócios são simplesmente muito altos. Os proprietários de lojas estacionárias costumam usar indicadores de rotatividade de mercadorias, que ajudam a determinar qual deve ser o valor de venda de um determinado produto para obter lucro no armazenamento. Os itens com a maior taxa de armazenamento devem ser substituídos por outros com menor custo de armazenamento.

As informações e notícias acima garantem que ter uma cauda longa seria muito caro, ou seja, não muito lucrativo. É um pouco diferente na loja virtual, onde esses produtos são apenas virtualmente ou sua quantidade é insignificante.

Cauda longa na loja online – Vender em uma loja virtual não é diferente daquele que ocorre em outros lugares. Geralmente, a loja online é um intermediário entre o produtor e o cliente final, ou seja, o cliente. Ele incorre no custo de compra da mercadoria, no custo de transporte do fabricante e nos custos associados à manutenção do comércio eletrônico. É óbvio que a loja ganha com as diferenças entre o preço oferecido pelo fornecedor e o que aparece no site. Então, por que não apresentar todos os produtos possíveis que aparecem em uma determinada categoria à sua oferta na Internet?

Na cauda longa, há o problema acima mencionado de peças individuais, que permanecem após os pedidos dos clientes. Para “se livrar” desses produtos, você deve usar vendas combinadas, por exemplo, pacotes. Por venda cruzada, entendemos vender produtos adicionais ao cliente final.