Fatores de conteúdo que afetam e não afetam a classificação

Quais fatores de conteúdo influenciam a classificação e quais são inúteis para otimizar. Nunca saberemos como vários fatores de classificação influenciam a saída da página. Mas não deixaremos de oferecer várias recomendações garantidas para ajudar seu site a melhorar para os usuários e para a pesquisa.

Fatores de classificação – A otimização de conteúdo é a base para a economia e promoção de qualquer site. E o que é tão incomum aqui? É o fato de que nem todo o conteúdo funciona e nem toda otimização é eficaz. O que é importante considerar ao otimizar o conteúdo para que a página seja classificada:

Relevância do conteúdo para a intenção do usuário – Compreender a intenção do usuário ajudará a criar o conteúdo certo para atender às expectativas do visitante alvo. Este é o futuro da pesquisa e otimização.

O Google está constantemente trabalhando em algoritmos para processar solicitações de usuários, a fim de entender melhor o que o usuário quer dizer e o que ele quer.

De fato, a conformidade do conteúdo com a intenção do usuário acaba sendo um fator de classificação mais forte do que a qualidade, facilidade de interação, exclusividade, volume e disponibilidade de imagens no texto.

Como aumentar a relevância do conteúdo – Não basta coletar as chaves. É importante entender a qual intenção do usuário eles correspondem. O que o usuário deseja obter inserindo uma consulta em um mecanismo de pesquisa.

Determinamos qual a intenção do usuário inserindo uma solicitação de chave.

Analisamos os resultados da pesquisa para uma consulta principal e determinamos que tipo de conteúdo é classificado entre os 10 principais para essa consulta.

Analisamos chaves adicionais – blocos de problemas, também pesquisamos.

Profundidade do conteúdo – Quanto mais profundo o conteúdo é desenvolvido, mais problemas relacionados ao usuário ele cobre. Existem vários estudos que comprovam que o conteúdo longo (LongRid) é melhor classificado.

No entanto, nem para todos os tópicos e nem para todas as áreas, esse volume de conteúdo é justificado. Ao contrário das recomendações para criar conteúdo longo, tente cobrir o máximo de perguntas possível.

É muito difícil estruturar um conteúdo longo para que o usuário possa digitalizar facilmente texto volumoso. Falamos sobre a qualidade da formatação para escanear em uma publicação separada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *