Empreendedores de sucesso dão dicas para fazer o negócio crescer

Transformar um pequeno negócio em uma grande companhia é um desafio enfrentado por milhares de empreendedores. Atualmente no mercado, é possível encontrar alguns exemplos de empresas que tiveram um crescimento estratosférico, como a Airbnb e a Skyscanner, só para citar alguns.

Para quem possui uma start-up ou um pequeno negócio que almeja crescer, é importante contar com os erros e acertos de quem já trilhou o caminho do sucesso.

A BBC Brasil entrevistou quatro empreendedores de sucesso com o intuito de trazer uma série de dicas para quem ainda está batalhando para fazer o seu negócio crescer.

As dicas são baseadas nas experiências, positivas e negativas, desses empreendedores ao longo de suas jornadas. Confira a seguir:

Aprenda a delegar tarefas

Para a Jéssica Butcher, co-fundadora da Blipper, uma start-up que em 5 anos de existência possui um valor de mercado de US$ 1 bilhão, conta que a medida que o negócio vai crescendo, é necessário saber delegar e distribuídas as tarefas para o time.

Ainda segundo a empreendedora, o fundador não precisa participar de todas as tomadas de decisões da empresa. Saber confiar no time e delegas tarefas para os profissionais adequados, é essencial para fazer o negócio evoluir.

Utilize o entusiasmo como combustível

Para o criador do Kobo, empresa de livros digitais que concorre diretamente com a Amazon, é preciso engarrafar a paixão para utilizar o entusiasmo para lidar com os desafios diários. P

Para o empreendedor, também é necessário contar com um time formado por pessoas de diferentes culturas e habilidades. De acordo com o milionário, é essencial ter pessoas com paixão e desafiadoras ao redor.

Não seja precipitado

Alex Depledge, fundador da Hassle, diz que é fundamental aprender a lidar com as frustrações para não tomar decisões precipitadas. Quando a Hassle passou a atuar no mercado Global, o empreendedor passou a ter dificuldades e por não saber administrar as emoções, acabou vendendo a empresa para um grupo alemão.

De acordo com o empresário britânico, se ele soubesse o que saberia hoje, provavelmente não teria vendido a companhia. Para ele, ficou a lição: não tome decisões precipitadas.

Menor pode ser melhor

Para Bill Veghte, que já atuou em gigantes como Microsoft e HP e que atualmente está na Survey Monkeys, o ambiente de trabalho em um negócio de pequeno porte é mais desafiador. O empreendedor conta que gerenciar um time pequeno, como a Survey Monkeys, é como pilotar uma lancha. Para o empreendedor, há uma conexão mais íntima entre todos os colaboradores.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *